terça-feira, 5 de abril de 2016

Carta Aberta à Comunidade Acadêmica Internacional

Pesquisadoras/es e professoras/es das universidades brasileiras prepararam um documento para denunciar à comunidade acadêmica internacional o golpe em curso no Brasil. A carta aberta, traduzida para o inglês, o francês, o espanhol, o alemão, o italiano e o árabe, recebe adesões pelo e-mail manifestodemocracia@gmail.com

Trata-se de um abaixo-assinado de professoras/es e pesquisadoras/es vinculadas/os às universidades. Pede-se, portanto, que apenas pessoas nesta condição encaminhem seu apoio - indicando nome, área disciplinar e instituição.




:: Carta Aberta à Comunidade Acadêmica Internacional
Nós, pesquisadores e professores universitários brasileiros, dirigimo-nos à comunidade acadêmica internacional para denunciar um grave processo de ruptura da legalidade atualmente em curso no Brasil...

:: Open Letter to the International Academic Community
We, professors and researchers from Brazilian universities, hereby address the International Academic Community to report serious breaches in the rule of law currently taking place in Brazil...

:: Carta Abierta a la Comunidad Académica Internacional
Nosotros, investigadores y profesores universitarios brasileños, nos dirigimos a la comunidad académica internacional para denunciar un grave proceso de ruptura de la legalidad actualmente en curso en Brasil...

:: Lettera Aperta alla Comunità Accademica Internazionale
Siamo ricercatori e professori universitari brasiliani e ci rivolgiamo alla comunità accademica internazionale per denunciare il grave processo di rottura della legalità attualmente in corso in Brasile...

:: Lettre Ouverte à la Communauté Académique Internationale
Nous, chercheurs et professeurs universitaires brésiliens, nous adressons à la communauté académique internationale pour dénoncer un grave processus de rupture de la légalité, actuellement en cours au Brésil...



Leia Mais:
Contra o golpe, professores lançam carta aberta à comunidade internacional
Carta aberta à comunidade acadêmica internacional

Nenhum comentário:

Postar um comentário