segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Palestina: a conquista do Estado

Especial de Carta Maior:

Palestina: a conquista do Estado

Alguns Manuscritos do Mar Morto já estão online

O projeto é uma parceria entre o Google e o Museu Nacional de Israel e tem previsão de colocar gradualmente, nos próximos anos, todo o material encontrado. Cinco manuscritos já podem ser vistos. Visite o site:

The Digital Dead Sea Scrolls


Sobre o projeto, leio no site:

The Israel Museum welcomes you to the Dead Sea Scrolls Digital Project, allowing users to examine and explore these most ancient manuscripts from Second Temple times at a level of detail never before possible. Developed in partnership with Google, the new website gives users access to searchable, fast-loading, high-resolution images of the scrolls, as well as short explanatory videos and background information on the texts and their history. The Dead Sea Scrolls, which include the oldest known biblical manuscripts in existence, offer critical insight into Jewish society in the Land of Israel during the Second Temple Period, the time of the birth of Christianity and Rabbinic Judaism. Five complete scrolls from the Israel Museum have been digitized for the project at this stage and are now accessible online.


"We are privileged to house in the Israel Museum's Shrine of the Book the best preserved and most complete Dead Sea Scrolls ever discovered," said James S. Snyder, Anne and Jerome Fisher Director of the Israel Museum. "They are of paramount importance among the touchstones of monotheistic world heritage, and they represent unique highlights of our Museum's encyclopedic holdings. Now, through our partnership with Google, we are able to bring these treasures to the broadest possible public."


The five Dead Sea Scrolls that have been digitized thus far include the Great Isaiah Scroll, the Community Rule Scroll, the Commentary on Habakkuk Scroll, the Temple Scroll, and the War Scroll, with search queries on Google.com sending users directly to the online scrolls. All five scrolls can be magnified so that users may examine texts in exacting detail. Details invisible to the naked eye are made visible through ultra-high resolution digital photography by photographer Ardon Bar-Hama– at 1,200 mega pixels each, these images are almost two hundred times higher in resolution than those produced by a standard camera. Each picture utilized UV-protected flash tubes with an exposure of 1/4000th of a second to minimize damage to the fragile manuscripts. In addition, the Great Isaiah Scroll may be searched by column, chapter, and verse, and is accompanied by an English translation tool and by an option for users to submit translations of verses in their own languages.

Atualização em 19/12/2012 - 21h00:
Manuscritos do Mar Morto estão online
The Leon Levy Dead Sea Scrolls Digital Library


Leia Mais:
Manuscritos do Mar Morto e Qumran/Dead Sea Scrolls & Qumran
Os Essênios: a Racionalização da Solidariedade

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Todos os downloads em uma mesma página

Esta é a intenção do que estou fazendo aos poucos: colocar todos os links para textos ou softwares relacionados ao mundo bíblico e disponíveis para download em uma única página.

:: Quais downloads?
Livros, estudos e artigos sobre a Bíblia, textos originais e traduções antigas e modernas da Bíblia, programas gratuitos - freeware ou open source - para estudos bíblicos.

:: A condição?
Somente textos que tenham sido mencionados, comentados ou recomendados na Ayrton's Biblical Page ou no Observatório Bíblico. E que possam ser baixados. Há outra categoria, mais ampla do que esta, que são os textos para uso online, que não entram aqui.

:: A razão?
Facilitar o acesso ao material disponível, que acaba disperso no site e, muito mais, no biblioblog.

:: Como está estruturada a página?
Em duas partes:
. Na primeira parte estão os (poucos) textos hospedados no meu site. São meus e de amigos, como os textos do Cássio Murilo. Ao clicar neles o download começará... ou pode ser necessário clicar com o botão direito do mouse, escolher "Salvar link como" ou semelhantes. Se o interessado quiser primeiro ler sobre o texto ou software antes de baixá-lo, e não souber onde está, pode encontrá-lo na página ou no blog através da busca personalizada na página inicial do site. Coloque o nome do link na caixa de busca do Google Pesquisa Personalizada, na coluna da direita da Ayrton's Biblical Page.
. Na segunda parte, com mais textos, ao clicar no link o visitante será direcionado para a página da Ayrton's Biblical Page ou do Observatório Bíblico onde o objeto a ser baixado é mencionado e/ou avaliado.

:: O que são os números na coluna da direita, abaixo do sinal # (= número)?
O número de cliques e/ou downloads feitos em cada link desta página. Mas somente a partir de 27.08.2011, quando comecei esta "ingrisia". A contagem é feita por um script chamado CCount ou PHP Click Counter, que encontrei no site PHP JunkYard [ferro velho?].

:: Todos os downloads citados na Ayrton's Biblical Page e no Observatório Bíblico já estão lá?
Não. Ainda não... é um trabalho em andamento!

Espero que a página seja útil aos visitantes de meu site e de meu biblioblog.

Assim sendo, e dando os trâmites por findos, clique em Downloads.

domingo, 18 de setembro de 2011

Ouvir, Ler e Escrever: o Curso de Hebraico foi atualizado

Atualizações foram feitas em Noções de Hebraico Bíblico, onde o interessado pode ler sobre a história da língua hebraica, ouvir a pronúncia do hebraico, ler alguns versículos do Gênesis e aprender regras básicas de gramática.

Clique aqui ou aqui para fazer o download.

Leia Mais:
Ouvir, Ler e Escrever: o curso de Língua Hebraica Bíblica

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Enquetes sobre o Mês da Bíblia 2011

Publiquei algumas enquetes sobre o Mês da Bíblia 2011.

Em 2011, o texto proposto para ser aprofundado no estudo bíblico é Ex 15,22-18,27.

Clique aqui e vote!

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Bíblia Hebraica e Antigo Israel: nova revista

Da editora alemã Mohr Siebeck, de Tübingen. Uma nova revista acadêmica que trata de textos bíblicos em seus contextos históricos, mas que também aborda a história de Israel.

Língua principal: inglês, mas publicará artigos também em alemão e francês.

Hebrew Bible and Ancient Israel (HeBAI)

Hebrew Bible and Ancient Israel is a new peer-reviewed, quarterly journal focussing primarily on the biblical texts in their ancient historical contexts, but also on the history of Israel in its own right. Each issue will have a topical focus. The primary language will be English, but articles may also be published in German and French. A specific goal of the new journal will be to foster the discussion between the different academic cultures in the international context pertaining to the study. Free access to the full text online is included in a subscription. The "Hebrew Bible and Ancient Israel" articles are available in full text via Pay-per-View at IngentaConnect, a provider of digital journals on the Internet and may be purchased for a fee of US $ 30.00 plus British VAT. There is an overview of the currently available electronic issues of the "Hebrew Bible and Ancient Israel" on the Ingenta website. Editors: Gary N. Knoppers, Oded Lipschits, Carol A. Newsom, Konrad Schmid. Managing Editor: Konrad Schmid. Associate Editors: Erhard Blum, John Day, Louis Jonker, John Kessler, Jacqueline E. Lapsley, Martti Nissinen, Thomas Römer, Christoph Uehlinger, David Vanderhooft, Nili Wazana.

Hebrew Bible and Ancient Israel ist eine neue Zeitschrift, die vierteljährlich erscheinen wird und deren Beiträge durch einen Peer-review-Prozess evaluiert werden. Ihr Thema sind die Texte der hebräischen und aramäischen Bibel in ihren historischen Kontexten, aber auch die Geschichte Israels selbst. Jedes Heft wird einen thematischen Fokus haben. Die meisten Beiträge werden in Englisch verfasst sein, Artikel können aber auch auf Deutsch oder Französisch erscheinen. Ein besonderes Ziel der Zeitschrift besteht in der Vermittlung der unterschiedlichen akademischen Kulturen im globalen Kontext, die sich mit der Hebräischen Bibel und dem antiken Israel im 1. Jahrtausend v. Chr. beschäftigen. Im Abonnement für Institutionen und Privatpersonen ist der freie Zugang zum Online-Volltext enthalten. Einzelne Beiträge der HeBAI sind im Volltext über Pay-per-View bei IngentaConnect erhältlich, einem Anbieter digitaler Publikationen von Zeitschriften im Internet. Sie stehen im PDF-Format zur Verfügung und können gegen eine Gebühr von 30,– US-$ zzgl. britischer Mehrwertsteuer erworben werden. Die Inhaltsangaben der letzten Hefte finden Sie bei Ingenta.

Resenhas na RBL - 09.09.2011

As seguintes resenhas foram recentemente publicadas pela Review of Biblical Literature:

A. Graeme Auld and Erik Eynikel, eds.
For and against David: Story and History in the Books of Samuel
Reviewed by Frank H. Polak

Philip Culbertson and Elaine M. Wainwright, eds.
The Bible in/and Popular Culture: A Creative Encounter
Reviewed by Claudia Setzer
Reviewed by Anthony Swindell

Thomas Holsinger-Friesen
Irenaeus and Genesis: A Study of Competition in Early Christian Hermeneutics
Reviewed by Thomas Andrew Bennett

Philip J. King
The Bible Is for Living: A Scholar's Spiritual Journey
Reviewed by Jeffrey L. Staley

Nina E. Livesey
Circumcision as a Malleable Symbol
Reviewed by Matthew Thiessen

Aliou Cissé Niang
Faith and Freedom in Galatia and Senegal: The Apostle Paul, Colonists and Sending Gods
Reviewed by Davina C. Lopez

Ilaria Ramelli
Hierocles the Stoic: Elements of Ethics, Fragments, and Excerpts
Reviewed by Douglas Estes

Karl Olav Sandnes
The Gospel 'According to Homer and Virgil': Cento and Canon
Reviewed by Dennis R. MacDonald

Christa Schäfer-Lichtenberger, ed.
Die Samuelbücher und die Deuteronomisten
Reviewed by Graeme Auld

>> Visite: Review of Biblical Literature Blog

Resenhas na RBL - 02.09.2011

As seguintes resenhas foram recentemente publicadas pela Review of Biblical Literature:

David Brakke
The Gnostics: Myth, Ritual, and Diversity in Early Christianity
Reviewed by James F. McGrath

Mark Andrew Brighton
The Sicarii in Josephus's Judean War: Rhetorical Analysis and Historical Observations
Reviewed by Catherine Jones

James H. Charlesworth and Lee Martin McDonald, eds.
Jewish and Christian Scriptures: The Function of 'Canonical' and 'Non-Canonical' Religious Texts
Reviewed by Everett Ferguson

Jean Delorme and Isabelle Donegani
L'Apocalypse de Jean: Révélation pour le temps de la violence et du désir
Reviewed by Nils Neumann
Reviewed by Stephan Witetschek

Ian J. Elmer
Paul, Jerusalem and the Judaisers: The Galatian Crisis in Its Broadest Historical Context
Reviewed by Davina C. Lopez

André Myre
Pour l'avenir du monde: La résurrection revisitée
Reviewed by Jeffrey F. Cayzer

Randall W. Reed
A Clash of Ideologies: Marxism, Liberation Theology, and Apocalypticism in New Testament Studies
Reviewed by Leif E. Vaage

Karlheinz Schüssler, ed.
Das sahidische Alte und Neue Testament: Vollständiges Verzeichnis mit Standorten sa 621-672
Reviewed by Robert Paul Seesengood

Hal Taussig
In the Beginning Was the Meal: Social Experimentation and Early Christian Identity
Reviewed by Pieter J. J. Botha

>> Visite: Review of Biblical Literature Blog

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Mês da Bíblia 2011: Êxodo, segundo Mercedes Lopes

LOPES, M. Deus liberta escravos e faz nascer um povo novo: Êxodo 15 a 18. São Leopoldo: CEBI/Paulus, 2011, 74 p. - ISBN 9788577331284

Por André Luís Rodrigues

Mercedes Lopes cursou Teologia e Bíblia na Universidad Bíblica Latinoamericana, em San José, Costa Rica (1995) e é Doutora em Ciências da Religião pela Universidade Metodista de São Paulo (2007). Além de outros grupos, assessora o CEBI.

A autora começa a Introdução deste subsídio preparado para o Mês da Bíblia de 2011 fazendo uma reflexão sobre os vários êxodos ainda hoje existentes em toda a América Latina, como os do povo Guarani e dos afro-americanos. Mas também dos que são obrigados a sair de sua terra em busca de sobrevivência, ameaçados, cada vez mais, por desastres ecológicos ou pelo latifúndio. Nestes processos, para que o caminho seja em direção à liberdade e não a uma nova escravidão, é preciso deixar a cultura dominante da ganância e do individualismo e reaprender a solidariedade que celebra a vida, diz a autora.

Em seguida, Mercedes traça um panorama histórico do contexto do êxodo, no século XIII a.C., dos variados grupos étnicos que teriam dele participado, do enfoque teológico do relato que vê Deus como o libertador e explica, por fim, a lenta e complexa formação do Livro do Êxodo como um processo de séculos, com redação final só no pós-exílio. Bem, o que se lê aqui é o usual, aquilo que lemos em qualquer livro que trate deste tema.

Dividido em oito círculos bíblicos, o livro quer oferecer às comunidades uma ferramenta que as conduzam pelos meandros do êxodo e, ao mesmo tempo, as ajudem a pensá-lo como uma realidade sempre atual. Isto tudo em uma perspectiva celebrativa.

Acredito que a melhor maneira de abarcar com um só olhar a totalidade dos círculos bíblicos sejam os títulos que a autora lhes dá. Assim:
  • Primeiro Círculo: Ex 15,1-21 - Cantando e dançando se faz teologia (o cântico de Miriam)
  • Segundo Círculo: Ex 1,15-2,10 - Elas fizeram acontecer o Novo (o papel fundamental das mulheres para a sobrevivência do menino Moisés)
  • Terceiro Círculo: Ex 15,22-27 - Aprender a viver no deserto das grandes cidades (o episódio de Mara)
  • Quarto Círculo: Ex 16,2-3.9-17 - Desaprendendo a acumulação dos faraós (o maná e as codornizes)
  • Quinto Círculo: Ex 17,1-7 - Sem água não há caminhada (a água da rocha)
  • Sexto Círculo: Ex 17,8-15 - A presença de Deus sustenta o povo na luta pela vida (combate contra os amalecitas)
  • Sétimo Círculo: Ex 18,1-12 - O bom êxito da caminhada depende das relações interpessoais (a família de Moisés vem ao seu encontro)
  • Oitavo Círculo: Ex 18,13-27 - Urge fazer circular o poder para a defesa da vida (a instituição dos juízes)

Para terminar, lembro que Mercedes Lopes utiliza os círculos bíblicos como um mecanismo que estabelece um diálogo dinâmico e transformador. Ela diz: "Através da leitura e meditação da Palavra em círculo, ocorre uma experiência tão simples e vital que faz arder o coração e liga as pessoas entre si". E explica: "O verdadeiro segredo dos círculos bíblicos é que eles levam a descobrir a presença escondida de Deus no meio de nós, gerando relações novas de reciprocidade e compromisso" (p. 19).

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Encontro Internacional de Blogueiros em outubro

O Primeiro Encontro Mundial de Blogueiros será realizado de 27 a 29 de outubro de 2011 em Foz do Iguaçu, Paraná, Brasil

As novas mídias, com seus sítios, blogs e redes sociais, adquirem um papel cada vez mais relevante no mundo contemporâneo. As informações circulam online, contribuindo para democratizar a comunicação – seja nas revoltas do mundo árabe, na “revolução dos indignados” da Espanha, nos vazamentos do Wikileaks ou nas eleições que agitam vários países. A produção cultural e o entretenimento ganham maior difusão na web. A internet passa a fazer parte do cotidiano de bilhões de pessoas. Num curto espaço de tempo, esta nova ferramenta tecnológica mostra todo o seu potencial para o desenvolvimento – econômico, social e político. Ela coloca em xeque a chamada “velha mídia” – com a queda das tiragens dos jornais e a migração da audiência das TVs e rádios. O impacto já se dá inclusive no terreno da publicidade. Pesquisa divulgada em março mostra que nos EUA os anúncios na internet já superaram os investidos na mídia impressa. Mais do que nunca é preciso valorizar as novas mídias. É urgente entender melhor este fenômeno e suas tendências; investir mais no seu florescimento e aperfeiçoamento. Há consenso de que elas contribuem para o avanço da democracia. Com este objetivo, a Associação Brasileira de Empresas e Empreendedores da Comunicação (Altercom) e o Centro de Estudos da Mídia Barão de Itararé, com o apoio institucional da Itaipu Binacional, promovem o 1º Encontro Mundial de Blogueiros, com o tema “O papel das novas mídias na construção da democracia”, de 27 a 29 de outubro de 2011, em Foz do Iguaçu, Paraná (BR). Veja como ficou a programação... (por Altamiro Borges)

Entre outros, participarão Ignácio Ramonet, do Le Monde Diplomatique; Kristinn Hrafnsson, porta-voz do WikiLeaks; Amy Goodman, responsável pela rede Democracy Now, USA; Pepe Escobar, jornalista e colunista do Asia Times Online; Emir Sader, blogueiro e articulista da Carta Maior; Paulo Bernardo, ministro das Comunicações do Brasil; Luis Nassif, do Blog do Nassif...

Leia mais no site do Encontro Mundial de Blogueiros.

1st Bloggers World Meeting
New media, with their websites, blogs and social networks, play an increasingly relevant role in contemporary world. Information flows online on the Internet, contributing to democratizing communication – be it in in the revolts in the Arab world, in Spain’s “indignados” revolution, in cables published by Wikileaks or in the elections agitating several countries. Cultural production and entertainment get a greater reach in the web. Internet becomes part of the daily life of billions. In a short period of time, that new technologic tool showed all its potential for economic, social and political development. It places the “old media” in a hard spot with diminishing print editions and crises in newspapers as audience migrates to TVs and radios. The impact is already reaching the realm of advertisement. A research published in March shows that in the USA internet advertisements already surpassed by US$ 2.5 billion those aimed at printed media. Now more than ever, it is necessary to value new media. Understanding that phenomenon and its trends, investing more in its development and improvement is paramount. All agree that they contribute to strengthen democracy in the world and in Brazil. With that objective, the Brazilian Association of Communications Enterprises and Entrepreneurs (Altercom) and the Barão de Itararé Center for Media Study, with the institutional support of Itaipu Binacional, promote the 1st Bloggers World Meeting on the issue “The role of new media in building democracy,” on October 27-29, in Foz do Iguaçu, Paraná, Brazil. Proposed agenda... (by Altamiro Borges)


Leia Mais:
Encontro de Lula com a blogosfera brasileira - 24 de novembro de 2010
Carta do II Encontro dos Blogueiros Progressistas - junho de 2011

domingo, 4 de setembro de 2011

Bíblias Online na Sociedade Bíblica Alemã

No site da Sociedade Bíblica Alemã (Deutsche Bibelgesellschaft) estão disponíveis online, para consulta e cópia de trechos, textos das seguintes edições da Bíblia em línguas originais e traduções antigas:
  • Biblia Hebraica Stuttgartensia
  • Novum Testamentum Graece (ed. Nestle-Aland), 28. Edição
  • UBS Greek New Testament
  • Septuaginta (ed. Rahlfs/Hanhart)
  • Vulgata (ed. Weber/Gryson)

The following editions are currently available:
  • Hebrew Old Testament following the text of the Biblia Hebraica Stuttgartensia
  • Greek New Testament following the text of the Novum Testamentum Graece (ed. Nestle-Aland), 28. Edition and the UBS Greek New Testament
  • Greek Old Testament following the text of the Septuagint (ed. Rahlfs/Hanhart)
  • Latin Bible following the text of the Vulgate (ed. Weber/Gryson)

Folgende Ausgaben stehen Ihnen zur Verfügung:
  • Hebräisches Altes Testament nach dem Text der Biblia Hebraica Stuttgartensia
  • Griechisches Neues Testament nach dem Text des Novum Testamentum Graece (ed. Nestle-Aland), 28. Auflage
  • Griechisches Neues Testament nach dem Text des UBS Greek New Testament
  • Griechisches Altes Testament nach dem Text der Septuaginta (ed. Rahlfs/Hanhart)
  • Lateinische Bibel nach dem Text der Vulgata (ed. Weber/Gryson)

Além dos textos originais, há algumas traduções modernas disponíveis:

:: In addition, you can access the following translations:
  • the German translation following Luther, Revised 1984
  • the English King James translation
  • the English Standard Version (ESV)
  • the NETBible®

:: Hinzu kommen folgende Bibelübersetzungen:
  • die klassische Übersetzung der Lutherbibel 1984, die jeder im Ohr hat,
  • die moderne Gute Nachricht Bibel, die als kommunikative Übersetzung besonders leicht verständlich ist,
  • und die philologisch genaue Menge-Bibel, die besonders nah an den hebräischen und griechischen Grundtexten übersetzt ist.
  • die englische King James Version
  • die NETBible
  • die English Standard Version

:. Estas edições online correspondem às edições impressas oficiais. O download completo dos textos não está disponível.

:. Our online Bibles are the official Internet editions of individual academic biblical texts. They are always the most up to date versions.

:. Unsere Online-Bibeln sind die offiziellen Internet-Ausgaben der jeweiligen Ausgaben. Sie sind immer auf dem aktuellen Stand. Bei allen Bibeln auf diese Website ist die Online-Nutzung kostenlos. Über die Zwischenablage dürfen Sie einzelne Textstellen kopieren und können sie von da in andere Anwendungen einfügen. Der komplette Download des Textes ist hingegen technisch nicht vorgesehen und auch lizenzrechtlich nicht gestattet. Ohne schriftliche Genehmigung der Rechteinhaber ist auch jede anderweitige Veröffentlichung und jede Einbindung in andere Anwendungen untersagt.

Novidades em The Biblioblog Reference Library

Anunciadas por Steve Caruso em 29 de agosto de 2011:

Biblioblog Library Anouncements: New Version, New Journal, New Press


Leia Mais:
Um agregador para a biblioblogosfera: The Biblioblog Reference Library

Vídeo sobre os falsos códices de chumbo

Tom Verenna, em seu biblioblog The Musings of Thomas Verenna traz um vídeo, de uns 10 minutos, no qual mostra os falsos códices de chumbo que diziam ser do começo do cristianismo e que causaram tanta polêmica a partir de abril deste ano.

Jordan Lead Codices: Exposing the Fakes [Updated] - September 3, 2011 by Tom Verenna

A reação da biblioblogosfera também pode ser vista neste post.

Leia Mais:
Códices de chumbo do começo do cristianismo?
Links para textos sobre os códices de chumbo
Os códices de chumbo na blogosfera

sábado, 3 de setembro de 2011

Mês da Bíblia 2011: Êxodo, segundo Mesters e Orofino

MESTERS, C.; OROFINO, F. A Caminhada do Povo de Deus. Os desafios da travessia: Ex 15-18. São Leopoldo: CEBI, 2011, 48 p. - ISBN 9788577331253

Por Luciano Giopato Roncoleta

Carlos Mesters nasceu na Holanda em 20 de outubro de 1931, mas veio para o Brasil em 1949. Cursou Teologia no Angelicum, em Roma, e Ciências Bíblicas no Pontifício Instituto Bíblico de Roma e na École Biblique de Jerusalém. Recebeu o título de Doutor Honoris Causa do Instituto Teológico São Paulo (ITESP). Idealizador do CEBI, Mesters é um dos principais exegetas brasileiros. Francisco Orofino é biblista e educador popular. É também assessor nacional do CEBI e do ISER. Fez doutorado em Teologia Bíblica na PUC-Rio (2000).

Ao apresentar este subsídio, os autores explicam o assunto, o tema, o lema e o objetivo a ser alcançado neste Mês da Bíblia de 2011. Explicam também que a palavra "caminhada", entendida como travessia de uma situação de opressão para a situação de vida plena, presente no título deste livro, era a mais usada pelos primeiros cristãos para designar o movimento de Jesus e que até hoje esta é a palavra mais usada para designar o movimento de renovação da Igreja através das CEBs. O livro, dizem, tem duas partes: uma curta e uma longa. A curta dá uma visão global da Caminhada do Povo de Deus descrita no Livro do Êxodo; a longa traz oito Círculos Bíblicos que fazem uma Leitura Orante de Ex 15-18 e Ex 20.

:: Na primeira parte do livro, a curta, se mostra como Ex 15-24, em dez capítulos e duas partes, descreve a caminhada o povo após a travessia do mar e, em seguida, a celebração da Aliança entre Deus e o povo no Sinai.

Ora, os casos contados em Ex 15-18 são muito simples, bem populares, às vezes exagerados - quem conta um conto, aumenta um ponto! -, mas não para enganar e sim para mostrar melhor a mensagem que os fatos tinham para a caminhada do povo. E em Ex 19-24 os seis capítulos trazem um roteiro litúrgico no qual o povo celebra tudo aquilo que tinha aprendido na caminhada pelo deserto. No Mês da Bíblia deste ano aprofundaremos a primeira parte - Ex 15-18 (e Ex 20) - desta que os autores chamam de Cartilha da Caminhada do Povo de Deus.

Cartilha que é, como dizem, uma parede nova feita com tijolos velhos. Os tijolos podem ser lá do começo de Israel - séculos XII e XI a.C. - mas a parede foi feita devagar, começando talvez na época do rei Ezequias, no século VIII a.C., continuando na época do rei Josias, século VII a.C., e só terminando lá pelo século V a.C., no pós-exílio, na época de Esdras. Esta Cartilha foi, em Israel, uma das ferramentas mais importantes para animar o povo nas dificuldades, para lembrá-lo de suas origens e da necessidade de manter o compromisso da Aliança. É uma Cartilha que traz o passado para o presente do povo, para mostrar que o êxodo continua acontecendo na sua vida, assim, como nós, ao retomarmos o tema, queremos lembrar que o êxodo acontece sempre, acontece aqui no Brasil hoje.

:: Na segunda parte do livro, a longa, estão os oito Círculos Bíblicos. Olhando para estes textos se vê que, durante a caminhada contada em Ex 15-18, o povo reclama, a toda hora, de Moisés e até de Deus. Quem escreveu o Livro do Êxodo chamou isso de murmuração, que é uma fala em voz baixa, um resmungo. Dizemos: "que sujeito mais resmungão"; ou: "pare de resmungar, menino"! Por isso, nos Círculos é bom a gente ver como eles conseguiram vencer as causas da murmuração, do resmungo, e continuar sua caminhada.

Assim, na lista dos oito Círculos Bíblicos a palavra "murmuração" sempre aparece:
  • Primeiro Círculo: Ex 15,1-21 - a força do canto da vitória vence a murmuração provocada pelo medo
  • Segundo Círculo: Ex 15,22-27 - a luz da Lei de Deus vence a murmuração provocada pela sede
  • Terceiro Círculo: Ex 16,1-36 - a segurança da partilha vence a murmuração provocada pela fome
  • Quarto Círculo: Ex 17,1-7 - a certeza do Deus conosco vence a murmuração causada pela descrença.
  • Quinto Círculo: Ex 17,8-16 - a esperança da oração vence a murmuração causada pelo desânimo
  • Sexto Círculo: Ex 18,1-12 - a união das famílias vence a murmuração causada pela divisão
  • Sétimo Círculo: Ex 18,13-27 - a participação nas decisões vence a murmuração causada pela dominação
  • Oitavo Círculo: Ex 20,1-21 - a liberdade dos mandamentos vence a murmuração causada pelo legalismo.

Para cada Círculo Bíblico os autores propõem a seguinte dinâmica:
Acolhida - preparando o ambiente
1. Vivências da caminhada do povo de hoje - pensar numa situação real e fazer perguntas para despertar a partilha
2. Vivências da caminhada do povo da Bíblia - chave de leitura; leitura lenta e atenta do texto; refletir para enxergar melhor; fazer perguntas que ajudam a descobrir a mensagem para nós hoje
3. Chegar a um compromisso diante de Deus - ligar o ontem com o hoje e orar
4. Uma reflexão para enxergar melhor - subsídio para ajudar a diminuir a distância que nos separa do êxodo no tempo e no espaço: do século XII a.C. para hoje são mais de 3 mil anos, do norte da África para o Brasil são cerca de 12 mil km...

Como todo mundo já sabe, os livros de Carlos Mesters - aqui com Francisco Orofino - são escritos em uma linguagem clara, fácil, prática, que cativa o leitor já no primeiro parágrafo. Não são invenções teológicas amargas enfiadas à força na goela do povo, pois a preocupação é sempre ler a vida com a ajuda da Bíblia e não a Bíblia com a ajuda da vida.

Ou, dizendo de outro modo: estimulado pelos problemas da realidade (pré-texto), o povo busca uma luz na Bíblia (texto), que é lida e aprofundada dentro da comunidade (con-texto). O pré-texto e o con-texto determinam o "lugar" de onde se lê e interpreta o texto. Sobre este método, as pessoas interessadas podem ler mais aqui.

Leia Mais
Carlos Mesters no Observatório Bíblico e na Ayrton's Biblical Page

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

NT Blog de Mark Goodacre comemora hoje 8 anos

O NT Blog de Mark Goodacre está comemorando hoje seu oitavo aniversário.

Mark Goodacre com seu blog foi uma inspiração para muitos de nós, biblioblogueiros.

Eu chamei a atenção para isso, no meu caso, em entrevista a Jim West feita em setembro de 2006:

Quando comecei a ler sistematicamente os biblioblogs de Mark Goodacre, James Davila e o seu [Jim West], foi que surgiu a ideia de começar o meu próprio blog...

Parabéns Mark Goodacre. Ou, como costumam dizer em inglês: Happy blogiversary!

What we do in life echoes in eternity... O que fazemos em vida ecoa na eternidade (Gladiator - O Gladiador).

Leia Mais:
Recuperação das entrevistas dos biblioblogueiros
O que é um biblioblog?
Jim Davila fala sobre os biblioblogs no século XXI
Um blog é uma ferramenta democrática

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Biblioblog Top 50 - Agosto de 2011

Esta é a lista dos 50 biblioblogs mais frequentados no mês de agosto de 2011 segundo The Biblioblog Reference Library.

Biblioblog Rankings (by The Biblioblog Library) – August 2011

Publicada por Steve Caruso em The Biblioblog Top 50.

Observatório Bíblico é o #10.

Mensagem de Dom Jacinto Bergmann para o Mês da Bíblia 2011

Dom Jacinto Bergmann, Arcebispo de Pelotas e Presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética divulgou a seguinte mensagem para o Mês da Bíblia 2011:

Mês de Setembro para a nossa Igreja no Brasil já é, por uma bonita tradição, sinônimo de MÊS DA BÍBLIA. O grande São Jerônimo, presbítero e doutor, cuja memória celebramos no final do mês de setembro, dia 30, nos motivou desde o início e motiva ainda hoje para a dedicação do mês de setembro inteiro para ser o da Bíblia. Sabemos da importância do trabalho bíblico de São Jerônimo realizando a tradução da Vulgata; e sua frase é emblemática: “Desconhecer as Escrituras é desconhecer o Cristo”.

Também já é uma bonita tradição, a CNBB, através da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética, oferecer um tema para o Mês da Bíblia para o estudo, a reflexão, a oração e a vivência da Palavra de Deus. O tema pode girar ou em torno de trechos bíblicos, ou de um Livro bíblico, ou até de um conjunto de Livros bíblicos. A escolha do tema para o Mês da Bíblia deste ano de 2011, concentrou-se no trecho do Livro do Êxodo, capítulos 15,22 a 18,27, que é conhecido como o “Livro da Travessia”. É necessário olharmos as etapas da travessia desértica do Povo de Deus, saindo do Egito e buscando a Terra Prometida: as dificuldades enfrentadas pelo Povo de Deus, tanto os problemas da natureza, quanto os desafios oriundos pela convivência humana, criaram a necesidade de enraizar e vivenciar a fé, a esperança e o amor em Deus. Queremos aprender com o Povo de Deus a realizarmos a nossa travessia de discipulado e missão. Eis, pois, o tema tão propício para o Mês da Bíblia de 2011: “Travessia, passo a passo, o caminho se faz”. Mas, o fundamental em tudo isso, é estar próximo ao Senhor Deus. Assim, do capítulo 16, versículo 9, é tirado também o lema: “Aproximai-vos do Senhor”.

Vamos viver intensamente o Mês da Bíblia em todas as nossas comunidades cristãs espalhadas pelo território nacional. Que bom que temos um Subsídio elaborado pela Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética, que, usado em nossos Grupos Bíblicos, nos ajudará a conhecer e interpretar, a comungar e orar, a evangelizar e proclamar a Palavra de Deus e assim caminharmos sempre mais para uma verdadeira ANIMAÇÃO BÍBLICA DA PASTORAL, formando entusiastas discípulos missionários de Jesus Cristo.

Fonte: CNBB - 01 de setembro de 2011 09:41

Leia Mais:
Mês da Bíblia 2011: Ex 15,22-18,27 - Um
Mês da Bíblia 2011: Ex 15,22-18,27 - Dois
Mês da Bíblia 2011: subsídios apresentados pelos alunos
Alguns comentários do Livro do Êxodo

Biblical Studies Carnival 66 - Terceira Parte

James F. McGrath, do Exploring Our Matrix, publicou hoje a terceira parte - o que seria dividido em duas, deu em três! - do Biblical Studies Carnival de agosto de 2011:

September 2011 Biblical Studies Carnival Episode III: The Final Frontier as the Carnival Strikes Back

Quer conferir a primeira e segunda partes?