sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Livros de Collins e Boccaccini publicados pela Paulus

Dois importantes livros na área bíblica foram traduzidos para o português e recentemente publicados pela Paulus. Até onde sei, Gabriele Boccaccini jamais fora traduzido por aqui. Acho que John Collins também não.

Cito originais e traduções:

COLLINS, J. J. The Apocalyptic Imagination. An Introduction to Jewish Apocalyptic Literature. 2. ed. Grand Rapids, MI/Cambridge, U.K.: Eerdmans, 1998, xiii + 337 p. - ISBN 9780802843715.

The Apocalyptic Imagination by John Collins, professor of Hebrew Bible at the University of Chicago Divinity School, is one of the most widely praised studies of Jewish apocalyptic literature ever written. This second edition of Collin's study represents a complete updating and rewriting of the original work published by Crossroad in 1984. The author discuss apocalypse as a literary genre, explore the phenomenon and function of apocalypticism in the ancient world, study a wide range of individual apocalyptic texts, and examine the apocalyptic character of early Christianity. Especially noteworthy is the chapter on the Dead Sea Scrolls.


COLLINS, J. J. A imaginação apocalíptica: Uma introdução à literatura apocalíptica judaica. São Paulo: Paulus, 2010, 480 p. - ISBN 9788534932448.

A imaginação apocalíptica, de John Collins, é um dos mais amplamente elogiados estudos de literatura apocalíptica judaica jamais escrito. E esta segunda edição [1. edição: 1984; 2. edição: 1998] do estudo de Collins representa uma atualização e uma reescrita completas da obra original. Especialmente digno de nota é o capítulo sobre os Manuscritos do Mar Morto, que agora considera todos os textos recentemente publicados. Outros capítulos discutem a apocalíptica como um gênero literário, exploram o fenômeno e a função da apocalíptica no mundo antigo, estudam uma ampla gama de textos apocalípticos individuais e examinam o caráter apocalíptico do cristianismo primitivo.


BOCCACCINI, G. Beyond the Essene Hypothesis: The Parting of the Ways between Qumran and Enochic Judaism. Grand Rapids, MI/Cambridge, UK: Eerdmans, 1998, 230 p. - ISBN 9780802843609.

This volume offers a provocative new view of the ideology of the Qumran sect, the ancient desert community closely related to the Dead Sea Scrolls. Grabriele Boccaccini moves beyond the Essene hypothesis and posits a unique relationship between what he terms "Enochic Judaism" and the group traditionally know as the Essenes. Boccaccini argues that the literature of Qumran betrays the core of an ancient and distinct variety of Second Temple Judaism. Tracing the development of this tradition, Boccaccini shows that the Essene community at Qumran was really the offspring of the Enochic party, which in turn contributed to the birth of parties led by John the Baptist and Jesus.


BOCCACCINI, G. Além da hipótese essênia: A separação entre Qumran e o judaísmo enóquico. São Paulo: Paulus, 2010, 280 p. - ISBN 9788534932356.

Gabriele Boccaccini se move para além da hipótese essênia e postula uma relação única entre o que ele denomina “judaísmo enóquico” e o grupo tradicionalmente conhecido como os essênios. Construindo sua tese em cima do que os relatos históricos nos dizem sobre os essênios e a partir de uma análise sistemática dos documentos encontrados em Qumran, Boccaccini argumenta que a literatura revela o núcleo de uma variedade antiga e distinta de judaísmo do segundo templo. Seguindo o desenvolvimento dessa tradição, Boccaccini mostra que a comunidade essênia em Qumran era realmente o produto do partido enóquico, que, por sua vez, contribuiu para o nascimento dos grupos conduzidos por João Batista e por Jesus. Uma resenha publicada na RBL pode ser lida aqui.


Leia Mais:
Apocalíptica: Busca de um Tempo sem Fronteiras
Apocalíptica e Apocalipses/Apocalypticism & Apocalypses
Judaísmo Rabínico
Henoc e Qumran
Os Essênios: a Racionalização da Solidariedade
Manuscritos do Mar Morto no Observatório Bíblico
Manuscritos do Mar Morto: recursos para estudo

Nenhum comentário:

Postar um comentário