segunda-feira, 2 de março de 2009

Paulo no mundo greco-romano

SAMPLEY, J. P. (org.) Paulo no mundo greco-romano: Um compêndio. São Paulo: Paulus, 2009, 608 p. - ISBN 9788534929318.

Esta obra é composta por duas dezenas de ensaios que procuram examinar como Paulo modifica e incorpora as convenções e práticas culturais e sociais de sua época para falar à sua audiência gentia.

Como acontece em qualquer obra produzida por vários autores, os ensaios tendem a ser desiguais em qualidade, mas, no conjunto, o mérito do livro é inegável, dizem as duas resenhas que li, uma em alemão, outra em inglês.

Resenhas feitas por Tobias Nicklas, da Universidade de Regensburg, Alemanha, e por Kate Donahoe, da Universidade St. Andrews, Escócia. Foram publicadas em 5 de fevereiro de 2005 na RBL.

O original, publicado em inglês em 2003, é:

SAMPLEY, J. P. (ed.) Paul in the Greco-Roman World: A Handbook. Harrisburg: Trinity Press International, 2003, xiv + 690 p. - ISBN 9781563382666.


Diz a editora Paulus sobre o obra:
Nos últimos anos, o campo dos estudos paulinos tem produzido novas e importantes leituras de Paulo e de suas cartas, examinando sua pessoa e suas cartas no contexto mais amplo do mundo greco-romano. Este livro singular representa uma contribuição significativa para esses estudos, reunindo, em um volume, ensaios escritos por especialistas em Paulo de fama mundial, sobre vários tópicos como honra/vergoha, patrono/cliente, pater familias, autodomínio, tribulações, atletismo/milícia, amizade/inimizade, recomendações, adoção, virtudes/ vícios, exemplificação, comparação retórica, vanglória, linguagem franca. adiaphora (coisas indiferentes), provérbios, escravidão, casa/família, educação e casamento/divórcio. Paulo no mundo greco-romano deverá ser consultado com grande proveito pelas pessoas interessadas em situar Paulo em seu mundo. Este livro nos obriga a pensar seriamente na relação entre cultura e o contexto na apresentação paulina do Evangelho, de um modo que faz juz à complexidade da questão. Não é apenas um valioso compêndio de pesquisa, mas um livro importante, que por si mesmo merece ser lido como uma séria contribuição aos estudos paulinos.

J. Paul Sampley é Professor Emérito de Novo Testamento e Origens Cristãs da Universidade de Boston, USA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário