domingo, 22 de março de 2009

Dom Helder. Por Luiz Alberto Gómez de Souza

D. Hélder, irmãos dos pobres. Um testemunho no ano de seu centenário

Os meios de comunicação do Brasil, pelos anos da censura e da repressão, baniram sua imagem. Prescrição vinda por decreto, único argumento do arbítrio. Foi censurado em sua própria rádio diocesana. Durante a ditadura seu nome era proibido de ser mencionado. Era como se não existisse. Mas sempre esteve presente entre o povo simples e na opinião pública mundial, onde foi se tornando quase um mito. Um dia, aqui no país, tiveram que levantar o embargo. O artigo é de Luiz Alberto Gómez de Souza, sociólogo, antigo dirigente da Ação Católica, ex-funcionário das Nações Unidas (CEPAL e FAO), assessor de movimentos sociais e pastorais e Diretor do Programa de Estudos Avançados em Ciência e Religião da Universidade Cândido Mendes.

Leia o artigo.

Fonte: Notícias - IHU On-Line: 22/03/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário