quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007

Badware vendido com garantia de atualização

Folha Online: 28/02/2007 - 13h01

Pragas virtuais são vendidas com garantia por R$ 570
Spywares, trojans, rootkits e keyloggers e outras pragas virtuais já podem ser compradas como softwares comuns, em CDs e com garantia de atualização. O custo é bem menor do que um Windows Vista Ultimate: R$ 570. "O modelo de negócio é assustadoramente profissional e gira em torno de malwares", diz George Waller, vice-presidente executivo da StrikeForce Technologies, empresa especializada em segurança da informação. Malwares são os chamados "softwares malignos" e podem se infiltrar em sistemas de computadores. De acordo com Waller, é possível comprar um produto pela web e ir pagando mais pelas atualizações. Os preços começam em torno de R$ 570 para o software, e podem chegar até R$ 7.700, com direito a contratos de garantia de atualizações e funcionalidades específicas (cont.)

O que é um badware?

Badware é software que se instala no computador sem o consentimento do usuário e rastreia seus movimentos na rede. O termo é usado para identificar spywares, vírus, adwares e outros softwares maliciosos. A StopBadware.org, organização formada pelo Berkman Center for Internet & Society da Harvard Law School e pelo Oxford Internet Institute da University of Oxford, com o suporte de empresas como Google, Lenovo e Sun Microsystems, tem como objetivo combater o badware. Entre outras coisas, publica o nome das empresas que ganham dinheiro pela infecção de PCs com pragas como spywares e adwares.

O Google alerta os usuários sobre resultados perigosos obtidos com seu sistema de busca. Quando aparece a frase "Este site pode danificar seu computador" logo abaixo do link principal, ao clicar no aviso, o internauta é encaminhado para a Central de Ajuda do Google. Na Central de Ajuda, o Google recomenda uma visita ao site Stopbadware para mais informações sobre sites potencialmente perigosos. Há ainda um link para denunciar sites maliciosos ao Google.

Nenhum comentário:

Postar um comentário